BANDA PELO MENOS

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Validade do amor!

Validade do amor!

 
Validade do amor!
Não se deve confundir a validade
do amor com o raciocínio da
poesia e a verdade na ficção de
cada pensamento...
Separar do amor apesar de amar?
É cessar de viver em comum...
O amor supera qual quer barreira...
Se estando em sintonia com o universo,
esse que os seres vivos ocupam.
O homem só sonha e por que separar?
Se tudo no amor fascina
Penso na saudade e na solidão.
Regra própria, valorize o seu amor
Jamais esteja sozinho! Se ame primeiro.
A vida é feita de desafio, acredite em um
desfecho feliz.
Aposte em um novo horizonte
Se não encontrou sua alma gêmea,
pois o amor não tem validade.
O bom do amor é que temos muito a dar!
Estar junto com seu amor é o melhor êxtase
da existência.
Relativo! Dependendo se essa sintonia exista.
Nós ideais que imperam varias proporções,
que exprimem enunciados falsos ou verdadeiros.
No amor impera nos corações de quem se amam
o belo, afigurar o amor, o grandioso e infinito.
Quem viaja a negocio e se o amor for à matéria
prima da negociação, não corre o risco de perecer,
pois o amor não tem validade.

Escrito em 18 de fevereiro de 2014, por Orlando Oliveira.
ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Enviado por ORLANDO DA BANDA PELO MENOS em 18/02/2014
Reeditado em 18/02/2014
Código do texto: T4696363
Classificação de conteúdo: seguro


Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja
 dado crédito ao autor original (Endereço da obra.
Recanto das Letras de Orlando Oliveira.).
Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Você não pode criar obras derivadas.








Comentários


22/02/2014 02:17 - Jasper Carvalho
Sempre um apelo ao amor com tenacidades
vivas de um verão inesquecível.
O tempo para o amor não tem nenhuma
diferença e ou indiferença que o valha!
Amar sempre é eternizar-se num nó feito
de dois pares indestrutíveis! Lindo e imagético
Orlando querido amigo e poeta! até + breve! JC

21/02/2014 22:58 - jcoelho
Muito bom seu pensamento, parabéns,
um grande abraço e Deus lhe abençoe.

21/02/2014 18:13 - Jacó Filho
Beleza plena mestre!
Quando estamos prontos para amar,
 o amor aparece... Parabéns!
 E que Deus nos abençoe e nos ilumine...
Sempre...


21/02/2014 05:51 - E Mathias
CRIATIVO E LINDO PENSAMENTO,
COMPARTILHO COM SUAS IDEIAS
ORLANDO.FORTE ABRAÇO.

20/02/2014 15:23 - JJ DE SOUZA
um pensamento poetico, uma forma de
entender essa validade

20/02/2014 11:43 - Ilmar
Mergulhaste fundo m otema, amigo! Aplausos!
Um abração!

20/02/2014 01:45 - Lianatins
Quando acreditamos no amor é maravilhoso,
porque nada é melhor do que amar sempre!
Existe um amor especial,no coração de quem ama!
 Sua inspiração é mesmo cheia de magia,parabéns
amigo poeta Orlando! Um abraço fraterno,Liana.

18/02/2014 22:38 - Jô Pessanha
Bela poesia. Que o amor seja infinito enquanto dure.
Quanto a poesia 'Dois Iguais",
é apenas uma poesia mesmo. Abraços poeta.

18/02/2014 22:04 - Marta Cavalcante Paes
ORLANDO amigo da poesia.
O amor maior que é o amor próprio este sim
deve ser revalidado em todos os momentos.
Aplauso pela sua inspiração. Abraço poético

18/02/2014 15:37 - Marco de Nilo
BOA TARDE, POETA ORLANDO,
MUITO PROFUNDO A TUA POESIA,
 E UM TEMA BASTANTE APAIXONANTE..
PARABÉNS.
GRATO PELA VISITA E COMENTÁRIOS.
FOI UM PRAZER.UM ABRAÇO.
 
Sobre o autor

ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Aracaju - Sergipe - Brasil, 51 anos
603 textos (18239 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente -
última atualização em 21/02/14 06:19)
SÓ ALEGRIA COM ESSA TURMA!

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

JURAMENTO!

JURAMENTO!
 
JURAMENTO!
Acerta-me com tua cor
Vermelho é da paixão
Por algum princípio ou destino
É todo teu meu coração...
O desejo é irracional
Não é afável, é intenso.
Louco para te possuir
Indulgência é a falta de tempo!
Plantada em veia horta
De colheita corações
Regado de suor e desejo
Do amor e emoção!
Suntuosa feita joia
Promete teu coração
Oh minha doce esmeralda
Meu viver, minha razão!
Jamais julgue ninguém
Pelas promessas ou por um não
Deve ter tido problemas
Mas nunca te deixou na mão!
Promessa é feito sonho
Comparada a casamento
De coração apaixonado.
Dádiva e juramento!


Escrito em 08 de fevereiro de 2014, por Orlando Oliveira.

ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Enviado por ORLANDO DA BANDA PELO MENOS em 08/02/2014
Código do texto: T4683241
Classificação de conteúdo: seguro



Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
 Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja
 dado crédito ao autor original (Endereço da obra.
 Recanto das Letras de Orlando Oliveira).
Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Você não pode criar obras derivadas.
 
 CARNAVAL DO COND: SÃO LORENÇA
 AS GATINHAS LINDAS
 MARINA
 FILHA DE SILVANA!
 NO BALHE A ALEGRIA CONAMINA
 UMA FOTO DE PRESENTE
 TATIANE, GELMA E LANDO
 TATI, GELMA, LANDO E SÕNIA
 DE PORTELA
 LANDO, TATI E GELMA
 LANDO E TATIANE
 TATIANE, GELMA E DILSON!
 AS JUISAS SÓ ALEGRIA
 ANIMADO E MUITO
 RIO! DR
 MISSE SIMPATIA
 O FREVO COMENDO NO CENTRO
 CORIOGRAFRIA E TUDO
 HORA DE IR PARA CASA
DONA SIRILA
 DONA DILZA E SR ALOISIO
QUE DEUS OS MANTENHAS
JUNTOS POR MUITOS ANOS
 FOLIA SUOR E CERVEJA!
 APRESENTAÇÃO PARTICULAR
COMO ESTAVA ANIMADO O
GRITO DE CARNAVAL

JURAMENTO!

Acerta-me com tua cor
Vermelho é da paixão
Por algum princípio ou destino
É todo teu meu coração...
O desejo é irracional
Não é afável, é intenso.
Louco para te possuir
Indulgência é a falta de tempo!
Plantada em veia horta
De colheita corações
Regado de suor e desejo
Do amor e emoção!
Suntuosa feita joia
Promete teu coração
Oh minha doce esmeralda
Meu viver, minha razão!
Jamais julgue ninguém
Pelas promessas ou por um não
Deve ter tido problemas
Mas nunca te deixou na mão!
Promessa é feito sonho
Comparada a casamento
De coração apaixonado.
Dádiva e juramento!


Escrito em 08 de fevereiro de 2014, por Orlando Oliveira.

ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Enviado por ORLANDO DA BANDA PELO MENOS em 08/02/2014
Código do texto: T4683241
Classificação de conteúdo: seguro



Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Endereço da obra. Recanto das Letras de Orlando Oliveira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.







Comentários

08/02/2014 22:12 - Ilmar
Muita inspiração, amigo! Um abração!

08/02/2014 17:31 - Nana Okida
Eita que este poeta está apaixonado sô!!!
Estava com saudade da tua escrivaninha.
 Beijos!
Sobre o autor

ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Aracaju - Sergipe - Brasil, 51 anos
602 textos (18152 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente -
 última atualização em 17/02/14 22:20)