BANDA PELO MENOS

sábado, 7 de julho de 2012

Colo de Mãe!

Colo de Mãe!

Um rosto triste hoje eu vi!
Um coração ferido, uma lagrima caindo.
Triste eu fiquei por dentro
Querendo sair do peito o coração ameaçava
Segurei a lagrima e não a deixou cair!
Sorri para atrair sorriso, foi a minha arma
Enfrentando a dor calado
O tempo passou não mais que algumas horas
O perdão, o filho suplicou
O sorriso da mãe brotou feito rosa ao amanhecer
Foi então que o coração acalmou, batendo agora no seu real compasso
Mas uma batalha vencida na arte de educar mas não a guerra.
Meu soldado de frente é Deus, é dele que sempre suplico e a ele meus agradecimentos
Mais uma experiência vivida
Com ela mil ensinamentos
Para você mãe de mais uma queda recebida, desejo o teu sorriso
e que em teu rosto ele encontre morada.
Como teu filho que jamais passou fome e frio por que sempre esteve a teu colo, pois a teu colo sempre vais encontrar o amor de mãe.

Escrito em 01 de novembro de 2011, por4 Orlando Oliveira

 





As cores por se só já encantam e quem a descobre resiste sua falta.
Escrito em 03 de setembro de 2012, por Orlando Oliveira.





 
Comentários


29/11/2011 22:51 - cachoeiras
Quanto desespero por alguém proibido de derramar lágrimas de dor,na nossa vida tem lagrimas que tem de ser contida,mesmo que se derrame dentro de nós. Bélo texto,Parabéns

11/11/2011 11:55 - Lisa chable
Lindo, Lindo & lindo. Aplausos ... Belíssimo .. Adorei, muito bom mesmo. Parabéns e volte sempre !

07/11/2011 16:44 - geraldinho do engenho
APLAUSOS MEU AMIGO VC ARRASOU E NÃO SÓ SUA MÃE, MAS DEUS TAMBÉM ESTA FELIZ COM ESTA OBRA DE ARTE QUE ENVIASTE A ELA EM FORMA DE POESIA...COM CERTEZA SEU GESTO CARINHOSO COM A MÃE SERA ETERNIZADO NA HISTÓRIA LITERÁRIA DO PARAISO CELESTIAL PORQUE CAIU NO AGRADO DO CRIADOR COMO UMA VERDADEIRA ORAÇÃO! OBRIGADO POR TUDO AMIGO E RECEBA MEU ABRAÇO FRATERNO!

04/11/2011 15:23 - graça Noronha
aplausos querido poeta,você realmente merece,muito lindo esse poema,como os demais que vc nos abrilhanta o coração,quem não lembra com carinho do colinho de mãe? obrigada por mim visitar,segui o seu conselho e que bom que segui,muito obrigada.um abraço fique com Jeová deus

03/11/2011 17:04 - verita
Boa tarde Orlando teu poetar me emocionou desde o início,ainda tenho a minha e, elas conhecem seus filhos como a palma das mãos, mesmo que não se queira preocupá-las, estão ali, gastas pelo tempo, mas sempre com o colo disponível e palavras de amor para ofertar, parabéns está uma magnífica composição, beijokas de boa tarde.

03/11/2011 07:06 - igs
Que linda poesia e não nada melhor que carinho de mãe ok parabéns meu varo e grande amigo poeta. como você esta amigo?...israel

01/11/2011 22:47 - Sonia Barbosa Baptista
Emocionante! Poeta, há milhões de mães que passam por situações desesperadoras com seus filhos. Parabéns, colo de mãe é bom!! Bjs!

Um comentário:

orlando disse...

Respostas!

Não perca tempo procurando resposta a terceiros, pois as mesmas podem estar dentro de você!

Escrito em 12 de maio de 2011, por Orlando Oliveira.

Postar um comentário