BANDA PELO MENOS

domingo, 9 de dezembro de 2012

Madrugada!



Madrugada!

Seja bem vinda madrugada
O dia te espera
Vaporiza minha carne
Molhando meu amuleto
Seja bem vinda madrugada
Quero ganhar sua confiança
Morrendo de tanto amor pra dar
Sempre tenho o que mereço
A chuva ou a brisa do mar
Seja bem vinda madrugada
Não quero a confissão do teu amor
Pois o teu olhar já prova o que penso
Seja bem vinda
Vem com ela e se apresenta
Deixa-nos a sós
Faz um friozinho
Que convido a entrar
Abraçando com carinho
O meu amor eu quero dar
O dia já raiou
Encontrei você amor
Agora posso ver os teus olhos
Quase choro...
Só em pensar te deixar.
Você se foi quando o dia chegou...
Leva consigo meu coração
Que de nada adiantaria ficar
Não iria aquietar
Vai bater em disparada
Enquanto ela não voltar
Traz o meu amor para mim
Volta madrugada e me deixa amar.

Escrito em 22 de novembro de 2012, por Orlando Oliveira.



http://www.recantodasletras.com.br/escrivaninha/publicacoes/editor.php?acao=ler&idt=4001887&rasc=0


















 


Comentários
04/12/2012 09:58 - Lianatins
São nas madrugadas que nossas inspirações vem com mais intensidade! É impossível não comentar teu talento inconfundível,parabéns amigo poeta Orlando! Uma bela manhã te desejo,da Liana.
03/12/2012 22:41 - Luzia Maciel
Orlando,parabéns pelo poema,quanta sensibilidade,como é bom ter sentimentos.Sobre a poeta Noronha,não sei se é Graça Noronha,se for ela é nossa irmã,minha e de Lázaro Noronha.Abraços.
02/12/2012 15:34 - Ana Stoppa
Poeta \orlando, boa tarde!Teu poema revela a sensibilidade pertinente aos escrevedores da alma! Parabéns! Ana Stoppa
30/11/2012 19:26 - RayKorthizo Perez
Boa noite poeta. Muito bom os seus versos, no capricho, feito bem ao gosto da vertente poética genuína. parabéns pelo seu trabalho. Abçs.
27/11/2012 21:07 - jcoelho
Parabéns, belo poema, um forte abraço. e Deus lhe abençoe.
27/11/2012 01:27 - Zeni Silveira
Bela madrugada poeta!!! Sempre te aplaudindo. Abraços
24/11/2012 22:27 - Oliveira Rosa
A madrugada é sempre a hora da solidão bater no peito e com ela a saudade chega.....belíssimo e inspirado poema.....parabéns!....sobre a carta(Despedida) eu a transformei em letra de música e irei publicar, mas não sei se ficou certo, pois eu entendo de poemas....mas valeu a tentativa, vamos o que irão achar....meu carinho a você
24/11/2012 21:36 - Jasper Carvalho
Na madrugada sempre é encantada para os poetas! A restratastes muito bem em todo o seu sentido mais amplo! Com ela vem a saudade o frio a brisa! Toda uma gama mágica e nostálgica que nos embebeda no seu cálice de inspiração! Gostei muitonobre amigo Orlando! Meus cumprimentos e minhas saudações natalinas! Grande abraço e até breve! JC
24/11/2012 13:26 - Leonel Santos
Belos versos Orlando, vir a madrugada, se, nas suas asas truxer o alento da amada, quem precisa do dia, a noite já é uma festa. Belo seu poema, parabéns! Abraço, ótimo fim de semana.
24/11/2012 10:04 - ribeirasilva
madrugada e seus encantos linda inspiração que Deus te abençoe cada dia mais!!!!
23/11/2012 22:46 - Leosouza
Madrugada prazeirosa, muito bem escrita, coisas de artista, parabens poeta ..linda poesia

Um comentário:

orlando disse...

A vida reserva tantas surpresas que se tivéssemos a certeza evitaria seus encontros, ao que usufruía do primeiro retorno e reeditava uma nova estrada.

Comentários
24/11/2012 22:30 - Oliveira Rosa
Sábia e verdadeira sua frase, aplausos!....meu carinho a você!!!


21/11/2012 17:47 - SanCardoso
Parabéns, pela sua intensa e verdadeira frase, Orlando! - A vida seguem sempre enfrente sem acesso aos retornos dessa estrada. - Grata, pela sua gentil visita! beijos ternos,

Postar um comentário