BANDA PELO MENOS

terça-feira, 17 de junho de 2014

COM CERTEZA!

COM CERTEZA!

 
Marquei um encontro com Deus!
Marquei em um lugar especial
Como foi bom esse encontro
Seguir os tum, tuns, do meu coração!
Agora já não estava sozinho!
Forte era a presença de um ser iluminado
Não o via, mas irradiava o calor de sua presença.
Feito magica uma luz colorida se apresentava
Uma voz suave me acalentava!
Eu, meu eu e os pensamentos a mil;
Especial naquele momento;
Os alentos e toda aquela recompensa;
Cantou para mim, sorriu e bateu suas asas.
Levava-me a ver a mais linda aparição já vista.
Ao som de uma doce canção!
Ainda hoje vejo aquele anjo;
Um anjo que vai e volta ao passado;
Um anjo inquieto, um anjo que ri;
Um anjo que chora um anjo que mora em
um coração igual ao teu!
Já não é mais uma criança
Já se esquiva do mal.
Só pensa no bem
É meu anjo que se doa e não é atoa
Muitas vezes se magoa...
Ao ser comparado com um anjo mau.
Pergunta-se por que tudo isso acontece?
Por que cada um tem o seu próprio anjo
São os seus olhos a porta que levam tudo aquilo que se ver.
Quem enxerga anjos, conduz luz para iluminar o coração.
Ai tudo que vem do bem volta aos olhos que os ver melhor.
Isso tudo é Deus... Com certeza é Deus!


Escrito em 02 de outubro de 2013, por Orlando Oliveira.
ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Enviado por ORLANDO DA BANDA PELO MENOS em 03/10/2013
Código do texto: T4508924
Classificação de conteúdo: seguro



Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado
crédito ao autor original (Endereço da obra. Recanto das Letras de Orlando Oliveira.).
Você não pode fazer uso comercial desta obra
. Você não pode criar obras derivadas.








Comentários

08/10/2013 16:06 - Lianatins
Que divino encontro com Deus,
você marcou amigo poeta Orlando!
Espero que tenha conversado bastante com Ele,
como dois amigos que se gostam,você é uma pessoa iluminada,
pelas suas palavras, tenho certeza que sim!
Que os Anjos de luz sempre esteja com você,
trazendo sempre maravilhosas inspirações com esta!
 Um abraço grande de carinho deixo,Liana.

06/10/2013 12:17 - Eula Vitória
Tá ai, poeta Orlando ! Gostei.
As pessoas que veem DEUS e tem-no como
SENHOR de tudo em suas vidas,
 raramente decepcionam com atitudes improváveis !!!...
Talvez seja esta a razão íntima que levou o seu amigo
a agir contra sí mesmo! Tinha TUDO...menos DEUS!!!...
 Não o conheço, conheci. Posso enganar-me!
Certo! Boa tarde!

04/10/2013 00:31 - Marta Cavalcante Paes
ORLANDO amigo da poesia. Maravilhosa sua poesia,
versos especiais de uma alma pura inspirada que vive
com muita fé. Parabéns pela beleza de sua alma poética.
Abraço poético

03/10/2013 21:16 - CONCEIÇÃO GOMES
Com certeza, senão como explicar tantos misterios?

03/10/2013 08:41 - Ilmar
Parabéns, amigão! Um grande abraço!

03/10/2013 08:21 - E Mathias
ENCANTADOR, BELO E DIVINO PENSAMENTO,
NARRADO EM BELOS VERSOS DE ESPERANÇA
E MUITA FÉ PELO SENHOR. PARABÉNS ORLANDO,
APLAUSOS.

03/10/2013 06:53 - Nana Okida
Com certeza é mesmo Deus menino Orlando. Beijo poeta!

03/10/2013 06:48 - EDNA LOPES
Com certeza é.A fé nos motiva.Abraço
 
Sobre o autor

ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Aracaju - Sergipe - Brasil, 52 anos
657 textos (20024 leituras)
1 áudios (40 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente -
 última atualização em 17/06/14 03:55)
 
 LANDO SE ACHANDO!
 PEDRO
 NO CARNAVAL
 SÔNIA, TIA DINEUZA, EUGÊNIA,
 DONA TEREZA E DONA DILZA.
 EUGÊNIA, TIA DINEUZA, DONA DILZA DE
 DONA TEREZA.
 NA CASA DE SÔNIA, MINHA MÃE,
 TIA DINEUZA, DONA TEREZA EU E EUGÊNIA
 AMIGA DE TETEU , LINDA COM EUGÊNIA.
 AMIGA DA EU. MARLI
 JULIA E LUMINHA
 LUMA DE OLIVEIRA
 GALERA AMIGOS DE LUMA
 SÓ LUIZ..
 LUIZ E RAFAEL
 LUIZ, RAFAELA E LANDO.
 LANDO!
 RAFAEL E RAFAELA
 RAFA
 EUGÊNIA
 LUIZ E RITINHA
 RAFAELA, ELY E RITINHA
 NO CONDOMINIO BARRA
 ELY E SEU CHARME
 RITA COM SEU SORRISO
 RITINHA
 EUGÊNIA, SUELY E CESAR !
 EUGÊNIA, SUELY, CESAR E LANDO

Um comentário:

orlando disse...

Na mansidão desse universo amar é viver
E viver é lapidar o vírus desse amor...
O qual fui contaminado.

Escrito em 10 de julho de 2014, por Orlando Oliveira.

Postar um comentário