BANDA PELO MENOS

sábado, 19 de julho de 2014

E AGORA BRASIL?

ENTÃO BRASIL

 
Dessa vez foi diferente
Já tinha alguns anos
A sobrevivência definhava
E o elo se partia.
Já adquiria com defeito
Dos mais comuns, aos aparentes.
Depois de vencida a primeira batalha
A guerra se aproximava
E a vidente confirmava
A derrota anunciada.
Restava apenas uma decisão
A lutar e resistir sem o craque,
ou a desistência anunciada em fracasso?
Agora, são duas frentes de batalhas.
Uma o destino vergonhoso do orgulho
a outra o que restaria do jogo.
Então, nosso convívio se ruina.
A jogada dos Alemães é o enigma!
Aumentando em gol a cada subida
O alerta intimidativo... Então!
Recorremo-nos a Deus! "PAZ DE CRISTO"
Acreditando eu na amarração do sacerdote
Entre mãos e alianças...
A esperança de que um dia o reconhecimento
Dessa luta se finde em vitória.
E o amor aconteça com vossa permissão.
O carinho seja o prato dos dias
Os beijos, a sobremesa
E o sorriso nossa canção, gol.
Emanados e sobreviventes desse desafio
De amar a seleção e ser amados como nação
Sem precisar do apelo ou perdão
Mas sim, um só coração...
Então BRASIL?


Escrito em 08 de julho de 2014, por Orlando Oliveira.
ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Enviado por ORLANDO DA BANDA PELO MENOS em 08/07/2014
Reeditado em 08/07/2014
Código do texto: T4874653
Classificação de conteúdo: seguro



Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja
dado crédito ao autor original (Endereço da Obra.
Recanto das Letras de Orlando Oliveira.).
Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.








Comentários

18/07/2014 18:33 - Marta Cavalcante Paes
ORLANDO amigo da poesia.
Ganhar ou perder faz parte da vida.
Agora aqui ganhamos suas lindas poesias e
 seu talento que é pura inspiração.
Aplausos para a beleza e criação maravilhosa.
Abraço poético

11/07/2014 17:31 - Maria Aranilda de Araújo
na realidade eu nem me iludi, nem me desiludi,
pois só os fanaticos não viam a situação do nosso brasil.
Eu lamento, mas tudo tem jeito,
ainda poderemos ter grandes craques no futebol,
então isso me contenta, como poderemos ter um
 Brasil melhor rm todos os sentidos.
 belo poema reflexivo, parabéns meu amigo.
me visita com; POESIA, bjs com carinho.
Aranilda

09/07/2014 20:55 - Lianatins
Estou até agora incrédula diante do resultado do jogo,
foi uma grande decepção para nós brasileiros,
cinco minutos de ilusão até começar o pesadelo,
 que atravessará várias gerações!
O que se viu a partir dos dez minutos parecia aqueles
jogos em que os garotos de dez anos enfrentam...
E foi apenas o início do sofrimento,pois esse mesmo
 time destruído ainda terá que disputar o terceiro lugar
contra Holanda no próximo sábado...
uma grande tristeza para todos nós,
será que a seleção brasileira só pode jogar com Neymar?!
Não tem jogadores que possa substitui-lo?
E "ENTÃO BRASIL",excelente sua poesia!
Um abraço fraterno deixo poeta amigo Orlando!

09/07/2014 16:16 - MarleneToledo
E então,Brasil?
O hexa escapou numa velocidade vulcânica,
o grito continua preso na garganta,
como brasileiros orgulhosos que somos,
vamos estar unidos novamente em 2018!!
Um abraço meu amigo

Que belo poema...encantada, muito reflexivo...Aplausos mil
 
Sobre o autor

ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Aracaju - Sergipe - Brasil, 52 anos
678 textos (20458 leituras)
1 áudios (44 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente -
 última atualização em 19/07/14 22:21)

 
 
 

 
 

 
 

 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário