BANDA PELO MENOS

terça-feira, 22 de maio de 2012

SERPENTE

  Grande Amor!
O segredo de pescar um peixe grande é a paciência, assim é a arte de fisgar um grande amor.
Escrito em 15 de maio de 2011, por Orlando Oliveira.


  Ser Poeta é!
Ser um representante dos amantes que com seus versos e poemas faz aflorar os sentimentos dos corações apaixonados.
Escrito em 18 de maio de 2011, por Orlando Oliveira.



O MAIOR TESOURO!
O valor e a união de uma família é o mais precioso tesouro que devemos apreciar guardar e compartilhar.
Escrito em 17 de fevereiro de 2011 às 19h37minh, por Orlando Oliveira.
Tamanho do Homem!
O HOMEM É DO TAMANHO DOS SEUS SONHOS!
ESCRITO EM 02 DE SETEMBRO DE 2008, POR ORLANDO OLIVEIRA.

Pai e Filho!
O PAI TEM O PODER DE AMENIZAR O SOFRIMENTO DOS FILHOS É SÓ ESTAR INSPIRADO PARA UMA BOA CONVERSA.
 Escrito em 11 de abril de 2011, por Orlando Oliveira.
Estrela!
TODOS TÊM SUA PRÓPRIA ESTRELA E SENDO ESTRELA BRILHA PRA TODOS.
Escrito em 11 de abril de 2011, por Orlando Oliveira.
Dom!
Apenas o dom não é suficiente, tem que ter alma, estudo e criatividade com leveza e pureza dentro do pensamento.

Escrito em 13 de abril de 2011, por Orlando Oliveira.

Dever de Casa!
O dever de casa de todos os dias é a vida e de todas as tarefas a serem feitas a mais difícil é educar, sem forma nem receita, só os mandamentos de Deus. Sem direito a reprovação, pois no final todos estarão formados.
Escrito em 19 de abril de 2011, por Orlando Oliveira.


Poucas Palavras!
São com elas que conseguimos dizer muito com poucas palavras.
Orlando Oliveira em 27 de abril de 2011

          
                        Traição
Traição é como uma ferida, que quando sara deixa cicatriz, ou seja, passa, mas não apaga.

Escrito em 30 de abril de 2011, por Orlando Oliveira


 Recompensa!
O orgasmo é a recompensa do perigo.

Escrito em 30 de abril de 2011, por Orlando Oliveira
   Mentir é fácil o difícil é esconder que estar mentindo!
        Escrito em 1 de maio de 2011, por Orlando Oliveira

Decidir!
Estar em nossas mãos toda decisão do futuro
Todo sonho é possível se feita à decisão certa no passado. 
Escrito em 1 de maio de 2011, por Orlando Oliveira


Pura Química!
Através do olhar agente se comunica, sem nem uma palavra a ser dita, às vezes falamos de amor em muitas vezes do amor existente. Pura química.
Escrito em 01 de maio de 2011, por Orlando Oliveira.
Energia!
Impossível esquecer nossa história as lembranças estão fervendo em forma de energia dentro do meu celebro.
Escrito em 01 de maio de 2011, por Orlando Oliveira.

  Somos o que temos!
Somos o que temos e o que podemos dar, se temos dinheiro daremos dinheiro que em breve é gasto e esquecido, se temos amor e fazemos o bem, colhemos carinho e gratidão para toda vida. 
Escrito em 01 de maio de 2011, por Orlando Oliveira.

                          
                              Decepção
     A decepção é estar frente a frente com o verme que fuça sem rumo sem razão e sem caráter de um homem que um dia foi pai enquanto considerado.
Escrito em 03 de maio de 2011, por Orlando Oliveira


Respostas!
Não perca tempo procurando resposta a terceiros, pois as mesmas podem estar dentro de você!
Escrito em 12 de maio de 2011, por Orlando Oliveira.


Intolerância!
A intolerância dos homens e as injustiças transformam o ambiente de trabalho em um campo de batalha.
Escrito em 12 de maio de 2011, por Orlando Oliveira.


FOTO DA FOZ DO RIO SÃO FRANCISCO- DIVIA COM SERGIPE E ALAGOAS



SERPENTE

O mar que invade cidades,
feito serpente que adentra sua residência.
Destroça sonhos já realizados
Arrastando feita turbulência de avião sem piloto
Meu coração no mar morto
Por que acordaste? Quem te despertou?
Qausasse um tsunami no meu coração
Sem pena, adentra e esfacela o meu peito.
Saudades! Ainda posso sentir os destroços
Remoendo como ondas daquele tsunami
Minha vida que desse ralo adentro
Feito água de chuva em busca do mar.
Enquanto desço recordo do teu rosto
Escuto aquela canção que remói o passado.
Cantas para mim com o teu brilho
Canta para mim com teu olhar
Teu cheiro é azul, seu coração sempre encarnado,
traz pra mim felicidade.
Sangra mulata, sambo eu!
Veio do nada essa serpente e envenenou meu eu.
Só crescemos, só amadureceremos
depois de emoções vividas.
Como as poesias que sempre são
verdadeiras aulas de emoções.
Apaixonado eu sempre vou viver,
pois respiro paixão, alimentando-me
de magia feito a serpentes que sem
rumo pulou o meu muro, me beijou deu
sua mordida e saiu de fininho.
Desapareceu sem ao menos se despedir.
Escrito em 26 de março de 2012, por Orlando Oliveira.






COMENTÁRIO DOS POETAS DO RECANTO DAS LETRAS
 


27/03/2012 23:17 - Marta Cavalcante Paes Lima
Orlando, querido amigo da poesia, que texto forte carregado de sentimentos. "Só crescemos, amadurecemos depois de emoções vividas". Teus versos transbordando de muita sensibilidade. Ficou lindíssima a interação poética. Beijo no seu lindo coração.

26/03/2012 23:17 - Antonio Tavares de Lima
Boa noite, Orlando. Belo texto, cheiio de belos versos. Obrigado pela visita. Abraços fraternos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário