BANDA PELO MENOS

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

ARROUBO!



 ARROUBO!



Amor de carnaval!
Lapidando os contornos
É musica de sucesso com certeza...
Os olhos gritam, brilham e cantam.
Exprimir no rosto a alegria
Manifesta seu ponto de vista
Ânsia, entusiasmo, azáfama.
Com suas lagrimas doces
Chega triunfando.
Antes na solidão! Já não mais
Agora a imaginação aflora
E como resultado vem à poesia
Que nos presenteia...
Tal como os beijos molhados
Até a banda parar
Seguir até as areias da praia
A que confina com o mar.
Últimos passos, mais beijos, abraços.
Arroubo de uma paixão
Paixão de carnaval.
Daquelas que marca gerações
Sem compromisso nem cobranças
Até o próximo carnaval.

Escrito em 31 de janeiro de 2013, por Orlando Oliveira.

 


NA FOTO A FAMÍLIA DE SID

 NA BARRA DE SANTO ANTÔNIO  AL



 A FLOR DO MARACUJÁ
 POSE PARA A FOTO NA CASA DE PRAIA DO LULA E DA ZETE
 MINHA MÃE FAZENDO POSE, LINDA

 EUGÊNIA E LANDO



 A JANGADA CHEGANDO DO MAR

 RESULTADO DA PESCARIA
 LUMA
 MASUNI,  SÓ OS CASCOS









Comentários
03/02/2013 19:25 - NATASHA RIMMER
AMOR DE CARNAVAL É PERFEITO COM AMOR NO CARNAVAL, MAS CUIDADO! NOVE MESES DEPOIS...
03/02/2013 19:11 - Érika L J
Não sei se, na vida material, conseguimos algum amor de carnaval, porém, em suas palavras, cremos em ser possível tal façanha. Gostei muitíssimo. Feliz noite :)
03/02/2013 15:31 - Marta Cavalcante Paes
ORLANDO amigo da poesia amor de carnaval é bom afinal... Parabéns pela beleza de sua criatividade. Abraço poético
03/02/2013 14:27 - Alexandre Danel
e camisinha...senão novembro vem aí...
03/02/2013 11:08 - Oliveira Rosa
Pra quem gosta da festa de carnaval e um amor passageiro ficou perfeito...amor de carnaval uma noite ou três noites, seus versos inspiram outros.....bom domingo a você
03/02/2013 09:49 - Nana Okida
Amor de carnaval...só com camisinha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário