BANDA PELO MENOS

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

VIDA!

 Só quero te ver!

Isso acontecendo não se sabe se vou ficar só no querer...
Acho que não me apaziguaria;
Resistiria, mas meu coração bateria em descompasso.
Descompassando me desvestia em revelação ao meu semblante.
No mínimo inclinaria minha cabeça para o lado esquerdo,
estenderia uma das mãos e com os olhos te pediria uma esmola...
Em compaixão e pena teu sorriso se interiorizava e sobre sua consciência no mínimo entenderia minha suplica.
Contentar-me-ia com apenas ver?
Se naquela mesa as memorias renderia entre o fã e o desejo.
Sou seu fã vida, digo e não nego,
sou seu fã e apaixonado por ti!
Uma paixão explicável;
Uma paixão sem defeito físico ou moral;
Uma paixão da minha vida;
Uma paixão unitária!
Unitária de um fã que tem que se contentar apenas com o ver!
Mesmo que de longe, o só ver já me satisfaria VIDA.
Do incondicional momento de sobrevivência...
Pois na vivência só sobrou essa opção, nessa vida.
Agarro-me a essa alternativa para não levar comigo o mundo,
que da renda que ainda falta para tecer,
os pontos de cruzes que se cruzam em linhas tortas,
precisa ter um o final feliz...
Vida, vida o linda dessa nossa terra vida,
agora não é dia de chorar e nem amanhã,
Aqui o vento luta contra a tristeza,
Levantando o moral entre você e eu
Levando a tristeza embutida desses corações...
Vida, vida, vida...
Contento-me em só querer te viver!
Sou teu fã minha vida...

Escrito em 05 de outubro de 2013, por Orlando Oliveira.
ORLANDO DA BANDA PELO MENOS

ORLANDO DA BANDA PELO MENOS

Enviado por ORLANDO DA BANDA PELO MENOS em 05/10/2013
Reeditado em 10/10/2013
Código do texto: T4512385
Classificação de conteúdo: seguro


Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Endereço da obra. Recanto das Letras de Orlando Oliveira.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

10/10/2013 19:09 - Jô Pessanha
Viva a bela e doce vida. 
Apesar dos pesares a vida é bela. 
Aplausos querido poeta e um forte abraço.

10/10/2013 18:21 - Cle
passei reli e ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii 
vou verificar porque,de chegar não autenticado, 
vou ver meu quridooooooooooooooooooooooooooooooo
oooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo 
bjjjjjjjjjjjjjjj com carinhoooooooooooooooooooooooo
ooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo
ooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo
oooooooooooooooooooooooooooooo cle

09/10/2013 14:50 - izahpoetisa
Obrigado pro sua visita em minha página,
e por suas palavras de incentivo.
Agora faço minhas sua palavras!
Que Deus lhe dê muitas e belas inspirações como esta!
The Best! essa sua poesia " Vida"

09/10/2013 07:59 - JJ DE SOUZA
um texto honrado, 
bonito que as palavras fluem de forma verdadeira, 
às vezes pensamos em ler algo assim e não encontramos, 
a linguagem é firma, 
o poema mostras mais do que as vezes o seu autor quer, 
assim é um bom texto, 
assim escreve, convido a ler o texto: falando sério
 
08/10/2013 19:52 - cle [não autenticado]
OLá amigo vc e brilhanteeeeeeeeeeeeeeeee
eeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee
eeeeeeeeeeee e um anjo de 
"Deus querido fiz uma agradecimento na minha 
pagina deixei seu nome la, 
obrigadoooooooooooooo 
por todo conforto nesta hora tão dificil de minha vida, 
fica com deus anjoooooooooooooooooCle
 

Sobre o autor
ORLANDO DA BANDA PELO MENOS
Aracaju/SE - Brasil, 51 anos
518 textos (16044 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/10/13 19:50)
 LEMBRANÇA DO ANIVERSÁRIO DE LUMA
13 ANINHOS
 EUGÊNIA,LANDINHO, LUMA MATHEUS E DONA 
DILZA
 EUGÊNIA, LANDINHO, LUMA E TETEU
 LANDIINHO, LUMA E TETEU
 LANDINHO, LUMA E TETEU
 EUGÊNIA, LUMA E LANDO
 MINHA MÃE, EUGÊNIA, LUMA E LANDO
 OUTRA POSE COM OS MESMOS MEMBROS
LINDO E LINDAS...
 EU E LANDO
 TETEU E EUGÊNIA
 EUGÊNIA E LANDINHO
 LANDO
 EUGÊNIA
 LANDO, EU, EDUARDO E MATHEUS
 EM SALVADOR, ESPERANDO A CHAVE DO AP
 ARQUETETURA DE SALVADOS
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário